‘Sonho’ de ver filha com doença rara andar faz mãe criar campanha na web

‘Sonho’ de ver filha com doença rara andar faz mãe criar campanha na web

Clara só consegue caminhar com ajuda de um andador (Foto: Arquivo pessoal)

Clara só consegue caminhar com ajuda de um andador (Foto: Arquivo pessoal)

Portadora de uma doença rara que afeta o movimento das pernas, a menina Clara Carvalho Vieira, de 3 anos, só consegue trocar passos com auxílio de um andador (veja vídeo abaixo). Ver a menina andar e independente é o grande sonho da família, que mora em Goiânia. Por isso, os pais criaram a campanha “Caminhando com a Clara” em busca de ajuda para custear tratamento no exterior.

 

A menina possui um tipo de paralisia chamada Leucomalácia Periventricular Bilateral. Segundo a mãe da criança, a professora Luciana Vieira, de 35 anos, a síndrome provoca o enrijecimento dos músculos, impedindo que a filha consiga se equilibrar e tenha forças para caminhar.

A professora conta que, pesquisando na internet, encontrou na cidade de St. Louis, no Estados Unidos, um tipo de cirurgia específico para o problema da filha. “Depois de preenchermos um formulário, mandarmos vários exames e até vídeos da rotina da Clara, o instituto aprovou a operação dela. Este é o único tratamento para a doença que existe no mundo”, disse ao G1 Luciana.

De acordo com a mãe, a família precisa de R$ 200 mil para pagar a cirurgia, passagens aéreas para ela, a criança e o marido, além da estadia durante os 30 dias de fisioterapia obrigatórios para pacientes estrangeiros. Sem condições de arcar pelo tratamento, os pais iniciaram a campanha em um site e pelas redes sociais, onde há informações e os dados de uma conta em nome da criança para depósitos em dinheiro.

Como o hospital exige uma data provável, foi agendado o procedimento para julho de 2016. Ou seja, a família tem pouco mais de seis meses para juntar todo o dinheiro.

Clara tem uma rotina intensa de atividades (Foto: Arquivo pessoal)

Clara tem uma rotina intensa de atividades (Foto: Arquivo pessoal)

“Estou confiante. Começamos na semana passada e já estamos com R$ 4 mil. Ainda émuito aquém do que precisamos, mas garanto que a família e os amigos vão ajudar. Também já ganhamos vários produtos que serão rifados. Também vamos vender nosso carro e comprar um mais velhinho”, revela Luciana.

Após o tratamento no exterior, Clara ainda terá que manter as sessões de fisioterapia por cerca de 4 anos. “Depois desse período, o médico garantiu que ela andará normalmente”, salienta.

Descoberta traumática
A gravidez de Luciana foi complicada e ela deu à luz no sétimo mês de gestação. Apesar disso, Clara era considerada um bebê normal, até um detalhe chamar atenção.

“Quando ela tinha sete meses, percebemos que ela não parava sentada como as outras crianças. Fomos a um neuropediatra e ele afirmou que era normal pelo fato de ela ser prematura. Porém, quatro meses depois, o problema persistiu. Fomos a outro profissional e ele nos passou o diagnóstico”, conta.

A doença foi diagnosticada quando Clara tinha 11 meses de vida. A professora conta que a notícia caiu como uma bomba. “Minha casa caiu. Fiquei quatro meses sem dormir, sem saber o que seria da minha vida. Virei um zumbi. Foi terrível”, lembra. Após um período de desespero, Luciana passou a lidar com a situação de forma mais tranquila.

Dedicação exclusiva
Para cuidar da filha, a mãe abdicou de sua vida profissional. Ela abandonou o trabalho em uma universidade, onde ministrava aulas de gastronomia. O sustento da casa ficou somente por conta do marido, que é oficial do Corpo de Bombeiros.

Clara com os pais: ela agora sustenta a casa só para ela acompanhar a filha (Foto: Arquivo pessoal)

Clara com os pais: ela agora sustenta a casa só para ela acompanhar a filha (Foto: Arquivo pessoal)

 

“Tem noites que eu sonho com ela correndo e brincando na praça. Essa seria a maior alegria da minha vida. Eu larguei tudo por isso, virou meu objetivo de vida. Imagino ela indo ao banheiro ou buscando água a noite sozinha. Para muita gente isso é normal, mas para mim causaria uma felicidade imensa”, pontua.

Apesar da pouca idade, Clara já tem uma rotina intensa. De segunda a sexta-feira, ela enfrenta uma maratona de atividades pela manhã: são sessões de fisioterapia, terapia ocupacional, hidroterapia e equoterapia. No período vespertino, a criança estuda em uma escola inclusiva, onde é monitorada por uma profissional.

Para trajetos mais longos, a garota usa uma cadeira de rodas, equipamento que, segundo a mãe, ela odeia. Luciana ressalta que a vontade de poder andar sozinha também parte da própria Clara.

“Ela não suporta a cadeira de rodas. Disse que quer um patinete de Natal para poder andar. Quando a ajudamos no andador, ela fica pedindo para ir sozinha, morre de vontade de se soltar”, diz.

Família faz campanha em busca de tratamento para a filha (Foto: Reprodução/ Facebook)

Família faz campanha em busca de tratamento para a filha (Foto: Reprodução/ Facebook)

fonte: G1

Cristãos moderninhos: os melhores aplicativos da Bíblia para crianças

Cristãos moderninhos: os melhores aplicativos da Bíblia para crianças

O Goiânia For Kids acompanhando a era da tecnologia, quando a criançada está tão familiarizada com tablets e smartphones, foi conferir os novos apps religiosos infantis.

Elegemos os aplicativos mais interessantes que apresentam de forma colorida e atrativa os assuntos bíblicos:

A BIBLIA DAS CRIANÇAS, da Barcelona Multimídia apresenta a história em quadrinhos com muita cor, sendo o mais bem avaliado na App Store.

BIBLIA PARA CRIANÇAS, da Lisbon Labs é interativa, prende a atenção dos pequenos em forma de páginas de livros, muito interessante!

BIBLIA CRIANÇAS, da Lifechurch.tv, tem conteúdo simples e ilustrativo, mais voltado às crianças menores.

Todos os apps são gratuitos.

McDonald’s convida chefs para realizar #EsquentaMcDia

McDonald’s convida chefs para realizar #EsquentaMcDia

Dia 29 de agosto é o dia da maior campanha em prol do câncer infantil e juvenil, o McDia Feliz. E o McDonald´s realizará o evento #EsquentaMcDia para chamar atenção para esta importante causa. Dois chefs convidados, Bruno Alves, da hamburgueria Kod Burger, e Carlos Bertolazzi, apresentador do programa Cozinha Sob Pressão, do SBT, apresentarão suas versões especiais do Big Mac para o público.

Eles tomarão conta da cozinha da House Of Food, considerada a primeira cozinha compartilhada do mundo. Bruno e Carlos prometem trazer para o Big Mac os sabores que marcam os seus estilos quando estão na cozinha. O evento é aberto ao público e cada combo (sanduíche + batata + bebida) sairá por apenas R$25.

A arrecadação dos sanduíches (exceto impostos) será revertida para o Instituto Ronald McDonald. O evento conta com o apoio da DPZ&T e da House Of Food que apoiam a luta contra o câncer infantil e juvenil no Brasil.

BALÃO SOLIDÁRIO RECEBE DONATIVOS PARA A CAMPANHA DO AGASALHO EM ANÁPOLIS

BALÃO SOLIDÁRIO RECEBE DONATIVOS PARA A CAMPANHA DO AGASALHO EM ANÁPOLIS

A ação faz parte das festividades do aniversário de 108 anos da cidade de Anápolis e arrecadará agasalhos para famílias carentes.

A população de Anápolis pode exercer a solidariedade através da Campanha Balão Solidário, que entre os dias 27 de julho e 1º de agosto arrecadará agasalhos para famílias carentes da cidade. A ação faz parte das festividades do aniversário de 108 anos da cidade por meio do 2º Festival de Balonismo. O balão solidário efetuará apresentações nos bairros da cidade e arrecadará donativos,  promovendo a campanha do agasalho da Prefeitura de Anápolis.

Além do incentivo de doar para aqueles que mais necessitam, quem participar da Campanha receberá um cupom para concorrer a um voo de balão. O sorteio acontece na noite do dia 1º, durante o “Night Glow”, no Parque da Cidade. O felizardo sorteado deverá estar presente no local do sorteio para receber o “vale-voo” que dará direito a voar até cinco dias após o evento.

Veja os pontos de recolhimento

Dia 27/7 das 19h as 20h: Área em frente à Escola Mun Realino José de Oliveira
Dia 28/7 das 19h as 20h: Área ao lado do CEU Filostro
Dia 29/7 das 19h30 as 20h30: Av. Pedro Ludovico em área nas proximidades do Cemitério
Dia 30/7 das 19h30 as 20h30: Rua Cruzeiro do Sul ao lado da Paroquia do Carmo

Entre os dias 31 e 2 de agosto os donativos serão recebidos no Parque da Cidade, durante o 2º Festival de Balonismo de Anápolis

2º Festival de Festival de Balonismo de Anápolis

Acontece entre os dias 30 de julho e 2 de agosto o 2° Festival de Balonismo de Anápolis. Em sua segunda edição, o evento contará com a presença de 8 pilotos e mobilizará cerca de 50 esportistas. Um dos destaques do festival é o goiano Lupércio Lima, atual 3° colocado do Campeonato Mundial de Balonismo.

A abertura oficial do evento será realizada a partir das 14h. Antes, às 12h, está programado o check-in para os pilotos. As provas competitivas acontecerão pela manhã sobre a cidade, com os balões decolando de pontos distintos, conforme os percursos determinados pelo diretor de provas.

Os voos festivos para a população serão realizados no período da tarde, a partir do dia 31, com decolagem prevista a partir das 16h. No último dia do evento, acontece a última prova da competição e a partir das 14h iniciará a cerimônia de encerramento e a premiação dos vencedores.

Serviço
2º Festival de Balonismo de Anápolis
Data: 30 de julho a 2 de agosto
Horário dos voos: Voos festivos do dia 30 de Julho ao dia 02 de agosto no Parque da Cidade e voos competitivos pela manhã pela cidade de Anápolis.
Horário da Carreata de Fogo: saída as 19:30h do parque Ipiranga e chegada as 20:00 no Parque da Cidade
Horário Night Glow: às 20h do dia 1° de agosto no Parque da Cidade
Cerimônia de Premiação e Encerramento: 2 de agosto (domingo), a partir das 14h
Local: Parque da Cidade nas proximidades do viaduto do DAIA

ATENÇÃO INSTITUIÇÕES DE CARIDADE!

ATENÇÃO INSTITUIÇÕES DE CARIDADE!

O Goiânia For Kids quer conhecer e ajudar seu trabalho!

Mande-nos um pouquinho de sua história, conte-nos o que mais necessitam para ajudar seus assistidos e iremos estar ao seu lado no trabalho de divulgação na web.

Aguardamos ansiosos, nossos internautas têm um coração do tamanho do mundo, estarão prontos a se unir à vocês.

Entre em contato por e-mail ou telefone:
goianiaforkids@gmail.com
(62) 9994-8771

VAMOS AJUDAR?

VAMOS AJUDAR?

“Quem tem duas túnicas dê uma a quem não tem nenhuma, e quem tem comida faça o mesmo” – Mateus 3: 11.

O Goiânia For Kids disponibiliza abaixo os contatos de algumas instituições de caridade goianienses que atendem crianças.

Com certeza necessitam da sua ajuda.

Que tal fazer hoje uma boa ação?

APAE DE GOIÂNIA
Telefone: (62) 3226-8000
E-mail: contato@apaedegoiania.org.br

ASSOCIAÇÃO COMUNIDADE LUZ DA VIDA
Telefone: (62) 3298-3020

Casa de Amparo ao Menor com câncer – Lar Caminho da Luz
Telefone: (62) 3202-9506

Condomínio Sol Nascente
Telefone: (62) 3201-3949

FÓRMULA TRUCK KIDS ACONTECE DIA 8 DE JULHO

FÓRMULA TRUCK KIDS ACONTECE DIA 8 DE JULHO

O Centro Culutra Oscar Niemeyer recebe no dia 8 de julho (quarta-feira) uma edição inédita do TRUCK KIDS. O evento terá início às 14h. Crianças de 4 a 12 anos terão direito a dar uma volta nos mini caminhões. Para ter direito é preciso levar um quilo de alimento não perecível (exceto sal). Toda arrecadação será doada para instituições de caridade definidas pelo governo.

Onde:
Centro Cultural Oscar Niemeyer

Horário:
das 14h às 21h

Entrada:
01 Kg de Alimento nã perecivel

+info

informações: www.formulatruck.com.br

O BEM SE FAZ “SUJANDO” AS MÃOS

O BEM SE FAZ “SUJANDO” AS MÃOS

Os cristãos devem se aproximar e estender a mão àqueles que a sociedade tende a excluir, como fez Jesus com os marginalizados do seu tempo. Isso faz da Igreja uma verdadeira “comunidade”.

Aproximando-se dos excluídos do seu tempo, Jesus “sujou” as mãos tocando os leprosos. E, assim, ensinou à Igreja que não se pode fazer comunidade sem proximidade. Francisco centralizou sua homilia no protagonista do Evangelho do dia, em que um leproso toma coragem, prostra-se diante de Jesus e lhe diz: Senhor, se queres, tens poder para purificar-me. Jesus o toca e o cura.

O bem não se faz de longe

O milagre, notou o Papa, aconteceu sob os olhos dos doutores da lei, para os quais, ao invés, o leproso era um “impuro”. A lepra  era uma condenação perpétua e curar um leproso era tão difícil como ressuscitar um morto. E, por isso, eram marginalizados. Jesus, ao invés, estende a mão ao excluído e demonstra o valor fundamental de uma palavra, “proximidade”.

Não se pode fazer comunidade sem proximidade. Não se pode fazer a paz sem proximidade. Não se pode fazer o bem sem aproximar-se. Jesus poderia muito bem ter dito: Sê purificado!. Mas não: se aproximou e o tocou. E mais! No momento em que Jesus tocou o impuro, se tornou também ele impuro. E este é o mistério de Cristo: toma para si as nossas sujeiras, as nossas impuridades. Paulo de fato afirma: ‘Tendo a condição divina, não considerou o ser igual a Deus como algo a que se apegar ciosamente, mas se esvaziou a si mesmo. Depois, Paulo foi além: ‘Fez-se pecado. Jesus se faz pecado. Excluiu-se, tomou para si a nossa impuridade para aproximar-se de nós.

Jesus inclui

O trecho do Evangelho registra também o convite que Jesus fez ao leproso curado: Não digas nada a ninguém, mas vai mostrar-te ao sacerdote e apresenta a oferta prescrita por Moisés, para que lhes sirva de prova. Isso porque, destacou Francisco, além da proximidade, para Jesus é fundamental também a inclusão:

Tantas vezes penso que seja, não digo impossível, mas muito difícil fazer o bem sem sujar as mãos. E Jesus se sujou. Proximidade. E depois vai além. Disse-lhe: ‘Mostra-te aos sacerdotes e faz o que se deve fazer quando um leproso é curado. Quem estava excluído da vida social, Jesus inclui: inclui na Igreja, inclui na sociedade … ‘Vai, para que todas as coisas sejam como devem ser’. Jesus jamais marginaliza alguém, jamais. Marginaliza si mesmo, para incluir os marginalizados, para nos incluir, pecadores, marginalizados, com a sua vida.

Proximidade é estender a mão

O Papa ressaltou o estupor que Jesus suscita com as suas afirmações e os seus gestos. Quantas pessoas seguiram Jesus naquele momento e seguem Jesus na história porque ficam impressionadas pelo modo como fala.

Quantas pessoas olham de longe e não entendem, não lhes interessa… Quantas pessoas olham de longe, mas com o coração mau, para testar Jesus, para criticá-lo, para condená-lo…  E quantas pessoas olham de longe porque não têm a coragem que ele teve de se aproximar, mas têm tanta vontade de fazê-lo! E naquele caso, Jesus estendeu a mão, antes. No seu ser estendeu a mão a todos, fazendo-se um de nós, como nós: pecador como nós, mas sem pecado, mas sujo dos nossos pecados. E esta é a proximidade cristã.

É uma bela palavra, a proximidade. Que convida a um exame de consciência: Eu sei aproximar-me?. Tenho ânimo, força, coragem de tocar os marginalizados?. Uma pergunta que diz respeito também à Igreja, às paróquias, às comunidades, aos consagrados, aos bispos, aos padres, a todos.

Data: 26/06/2015

fonte: Paróquia Santa Teresinha

 

Filantropia – Apresentação

Filantropia – Apresentação

Este espaço apresentará periodicamente os mais diversos exemplos de obras de caridade presentes em nosso estado, voltadas à assistência à crianças e famílias necessitadas.

Os posts visarão divulgar a maneira de ajudar as instituições em si e levar esta atitude ao costume de nossas crianças, pois entendemos que o amor ao próximo e ao irmão mais necessitado deve ser ensinado desde a mais tenra infância.

Teremos prazer em apresentar instituições indicadas por vocês, mandem já sugestões e, após entrevista, divulgaremos tudo com carinho!

Equipe GoianiaForKids

Pin It on Pinterest